domingo, 19 de novembro de 2017

NOTA DE FALECIMENTO - ULI MARIA DIAS FONTELES

A família de Uli Maria Dias Fonteles cumpre o doloroso dever de informar a parentes e amigos o seu falecimento ocorrido na manhã deste domingo, 19 de novembro. Informa ainda que seu corpo está sendo velado no Cemitério Jardim Eterno, na BR 222, onde acontece missa de corpo presente as 15h seguido de sepultamento as 16h desta segunda-feira (20).
Desde já a família agradece a todas as manifestações de solidariedade nesse momento de dor extrema.

MIRUNA GENOÍNO: UMA FAMÍLIA DEPOIS DO MENSALÃO


Reunidas no livro Felicidade Fechada, as cartas trocadas entre o ex-presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) José Genoino e a filha Miruna revelam como a família atravessou o período em que Genoino esteve cumprindo pena no presídio da Papuda, em Brasília. O livro busca narrar a história desde novembro de 2014, quando Genoino se entregou à Polícia Federal após ser condenado por formação de quadrilha e corrupção ativa no processo do mensalão. Defendendo a inocência do pai, Miruna Genoino conta ao O POVO sobre os problemas cardíacos que fizeram o pai receber o direito de cumprir a pena em domicílio, o assédio da imprensa e admite que Genoino cometeu erros políticos e, não, crimes. 
A filha se acompanhou do pai no lançamento do livro que reuniu amigos e apoiadores do partido no Centro Cultural Belchior, na Praia de Iracema, na última sexta-feira, 17. 
O POVO - Foi difícil publicar o livro? 
Miruna - Muito difícil. Eu mandei para as editoras e elas simplesmente ignoravam. A gente sabe que é uma história que nem todo mundo quer que seja ouvida. 
O POVO - É complicado encontrar quem queira se associar à imagem de José Genoino? Miruna - Está cada vez melhor, mas claro que a gente sente (dificuldade). A gente teve momentos muito duros, de muita solidão. Agora, a gente percebe que existe maior solidariedade. Acho que foi ficando mais claro que a história dele não é de enriquecimento ilícito. A nossa batalha é recontar a história dele e defender. Foi o que ele pediu. É isso que estamos fazendo. 
&nsbp; 
Ele (José Genoino) não cometeu nenhum crime. Podem ter acontecido alguns erros políticos, mas não houve crime. Ele não negociou valores, ideais e nada politicamente em troca de dinheiro" 
O POVO - Você diz que o livro é a tentativa de contar a verdadeira história do seu pai. Qual é essa história? 
Miruna - Ele não cometeu nenhum crime. Podem ter acontecido alguns erros políticos, mas não houve crime. Ele não negociou valores, ideais e nada politicamente em troca de dinheiro. O que ele fez foi parte de um projeto muito importante que algumas pessoas podem concordar ou discordar, mas ele participou politicamente. Ele não formou quadrilha, não se associou a ninguém para fazer processos de corrupção. Ele era um político e ainda é. 
O POVO - Depois do caso do mensalão, o Brasil vivenciou uma série de outros processos. Houve um impeachment, um vice-presidente que assumiu a Presidência da República. Como vocês veem isso? 
Miruna - Isso mostra porque tinha tanto interesse em criminalizar a política. Essa judicialização da política leva a essa situação em que os políticos vão sendo colocados todos no mesmo balaio de gato. Acho muito preocupante o que aconteceu com a presidente Dilma porque foi uma consequência de levar os políticos para julgamento com uma dificuldade muito grande de apurar os fatos. Não posso falar dos processos de cada um, mas é muito preocupante isso de jogar na grande imprensa sem ter uma averiguação porque depois que o seu nome é colocado ali é muito difícil você recuperar a sua imagem. 
&nsbp; 
Eles (da grande mídia) levaram até as últimas consequências a necessidade de criminalizar a ação política do meu pai"
O POVO - Qual foi o papel da mídia na condenação do seu pai? 
Miruna - A grande mídia teve uma influência e um interesse grande e foram incentivadores dessa narrativa. Não abriram espaço para que outra história fosse contada. Uma das maiores mágoas que a gente tem é o fato de até tentarem relativizar a doença cardíaca que ele teve e quase morreu. Isso foi utilizado como possível artimanha para ele escapar da prisão. Eles levaram até as últimas consequências a necessidade de criminalizar a ação política do meu pai. 
O POVO - A imagem da prisão do seu pai mostra a família junto dele na hora da prisão. Olhando em perspectiva, o que você enxerga naquela fotografia? 
Miruna - A gente foi preparado para aquele momento. Olho a foto e vejo muito desespero. 
O POVO - Naquele momento, assim como hoje, você acreditava na inocência do seu pai? 
Miruna - Claro, sempre. Digo que a gente vai continuar batalhando. É uma batalha que os meus filhos também vão seguir. Talvez eles tenham que continuar. E os filhos deles e quantas gerações forem necessárias. A gente vai continuar defendendo a inocência do meu pai. 
O POVO - Genoino não dá mais entrevista para imprensa e está mais afastado da política. Como está o seu pai hoje? 
Miruna - Ele está bem de saúde. É uma pessoa preocupada com a situação política do País, com esse conservadorismo que vem se acirrando. Mas é uma pessoa que está vivendo a política do jeito que ele gosta. Sem ser institucional ou partidária. Com pequenos grupos, com amigos, e fazendo algo que ele sempre disse que ia fazer que é cuidar mais da família. Ele está sendo um maravilhoso avó. 
O POVO - Estamos perto das eleições de 2018. Lula desponta como um candidato a 2018. A família Genoino apoia essa candidatura? 
Miruna - Com certeza. A gente apoia, tem muito orgulho da história do Lula e a gente defende a história dele. Pra gente, foi muito difícil quando a Marisa Letícia faleceu. A gente sabe o que ela sofreu, acho que ela sentiu tudo isso na pele. 
(Rômulo Costa/O Povo)

A PALAVRA DO DIA

Anúncio do Evangelho (Mt 25,14-30)
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós!
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor!
Naquele tempo, Jesus contou esta parábola a seus discípulos: 14“Um homem ia viajar para o estrangeiro. Chamou seus empregados e lhes entregou seus bens. 15A um deu cinco talentos, a outro deu dois e ao terceiro, um; a cada qual de acordo com a sua capacidade. Em seguida viajou.
16O empregado que havia recebido cinco talentos saiu logo, trabalhou com eles e lucrou outros cinco. 17Do mesmo modo, o que havia recebido dois lucrou outros dois.
18Mas aquele que havia recebido um só saiu, cavou um buraco na terra e escondeu o dinheiro do seu patrão.
19Depois de muito tempo, o patrão voltou e foi acertar contas com os empregados.
20O empregado que havia recebido cinco talentos entregou-lhe mais cinco, dizendo: ‘Senhor, tu me entregaste cinco talentos. Aqui estão mais cinco, que lucrei’. 21O patrão lhe disse: ‘Muito bem, servo bom e fiel! Como foste fiel na administração de tão pouco, eu te confiarei muito mais. Vem participar da minha alegria!’
22Chegou também o que havia recebido dois talentos, e disse: ‘Senhor, tu me entregaste dois talentos. Aqui estão mais dois que lucrei’. 23O patrão lhe disse: ‘Muito bem, servo bom e fiel! Como foste fiel na administração de tão pouco, eu te confiarei muito mais. Vem participar da minha alegria!’
24Por fim, chegou aquele que havia recebido um talento, e disse: ‘Senhor, sei que és um homem severo, pois colhes onde não plantaste e ceifas onde não semeaste. 25Por isso, fiquei com medo e escondi o teu talento no chão. Aqui tens o que te pertence’.
26O patrão lhe respondeu: ‘Servo mau e preguiçoso! Tu sabias que eu colho onde não plantei e ceifo onde não semeei? 27Então, devias ter depositado meu dinheiro no banco, para que, ao voltar, eu recebesse com juros o que me pertence’.
28Em seguida, o patrão ordenou: ‘Tirai dele o talento e dai-o àquele que tem dez! 29Porque a todo aquele que tem será dado mais, e terá em abundância, mas daquele que não tem, até o que tem lhe será tirado. 30Quanto a este servo inútil, jogai-o lá fora, na escuridão. Aí haverá choro e ranger de dentes!’”
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor

sábado, 18 de novembro de 2017

EUNÍCIO ADMITE, PELA PRIMEIRA VEZ, ALIANÇA COM CAMILO

O presidente do Senado Eunício Oliveira (PMDB) admitiu possibilidade de aliança com o governador Camilo Santana (PT) para as eleições de 2018. “A aliança é administrativa em prol do Ceará. Se essa aliança se estender para um outro tipo de processo desde que não seja para beneficiar eleição de A ou de B e, sim, para que o Ceará possa continuar avançando e se desenvolvendo, ela é possível”, disse em evento no Palácio da Abolição na manhã de ontem.
Essa é a primeira vez que um dos dois admitiu que a aproximação poderia ir além do caráter “institucional” alegado desde que aliança começou a ser especulada. Camilo, no entanto, preferiu não comentar o assunto. Questionado, respondeu que “eleição é só no próximo ano”.
Ambos estiveram lado a lado no evento “Juntos por Fortaleza”, em que Camilo e o prefeito Roberto Claudio (PDT) anunciaram ações para a capital cearense. As trocas de agradecimentos deram tom de festa ao ato, onde foram anunciados quase R$ 2 bilhões em investimentos, dos quais uma parte teria sido conquistada graças ao apoio de Eunício no Senado.
“Quero agradecer em especial o Eunício e pedir uma salva de palmas para ele. Independente de cor partidária, o cargo que ele ocupa hoje tem ajudado muito os cearenses”, discursou Camilo. RC chegou a se referir ao peemedebista como “nosso presidente” em agradecimento.
Durante discurso, o senador também destacou que, “independente de posição partidária”, parceria era “para que o Estado possa se desenvolver”.
Eleições de 2014
Antigo aliado dos Ferreira Gomes, o senador rompeu com o grupo em 2014 e adotou discurso crítico tanto aos ex-governadores Cid e Ciro Gomes (PDT), quanto ao governo de Camilo. Ontem, disse que avaliação que faz da gestão é “de trabalho”. “Sempre tive muito respeito pelo governador Camilo, mesmo durante a campanha. Eu nunca fui insultado nem nunca agredi o governador Camilo, e nunca fui agredido. Nunca fui um crítico severo do governador Camilo”, respondeu.
Bastidores
Camilo e Eunício chegaram juntos ao evento. Antes, eles estavam reunidos, junto com Roberto Cláudio, em conversa reservada na sala do governador no Palácio da Abolição.
O senador pareceu à vontade entre os ex-aliados. Durante apresentação do plano feita por Camilo e RC, que durou cerca de uma hora, ele conversou animadamente e por meio de cochichos com o presidente da AL-CE Zezinho Albuquerque (PDT).
Quem pareceu não estar gostando do tom do evento foi o deputado federal André Figueiredo, presidente do PDT. Sentado na ponta do palco, permaneceu maior parte da manhã calado e sério. Quase na outra ponta estava o senador petista José Pimentel, lembrado algumas vezes nos discursos, mas sem espaço para fala oficial. O deputado federal José Guimarães (PT) também esteve presente. Este negou caráter político do ato
(O POVO – Repórter Letícia Alves)

GREVE DOS PROFESSORS DE MARACANAÚ INCOMODA O PR

Por conta da liderança de Roberto Pessoa, vice-prefeito de Maracanaú, a longa greve dos professores do Município de Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza, um dos mais ricos do Estado, gera um certo incômodo ao PR, pois Roberto Pessoa é também um dos principais expoentes do partido.
Roberto já foi prefeito de Maracanaú, por dois mandatos, atualmente é vice, e segundo dizem, quer voltar a administrar o Município, embora no próximo ano vá disputar um mandato de deputado estadual, juntamente com a filha, Fernanda Pessoa, candidata à reeleição.


Uma nova tentativa de acordo entre a liderança dos professores e o prefeito de Maracanaú está sendo arbitrada, hoje, por integrantes do Ministério Público.
(Por Edison Silva - Diário do Nordeste)

INSS DIVULGA CRONOGRAMA DE PAGAMENTOS DE BENEFÍCIOS EM 2018

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) divulgou nesta semana todas as datas de pagamentos de aposentadorias e pensões em 2018. Os depósitos seguem a mesma sistemática dos anos anteriores.
Segundo a entidade, para aqueles que recebem um salário mínimo, os depósitos referentes a janeiro serão realizados entre os dias 25 de janeiro a 7 de fevereiro. Seguradores com renda mensal acima do piso nacional terão seus pagamentos creditados a partir de 1º de fevereiro.

SEMANA DEVE SER MARCADA POR DEBATE SOBRE MP DA REFORMA TRABALHISTA

A MP 808/2017, que fez ajustes na reforma trabalhista (Lei 13.467/2017), promete ser um dos temas dominantes da agenda do Congresso nos próximos dias. Editada na última terça-feira (14), uma véspera de feriado, ela deve começar a ser debatida na sessão não deliberativa do Senado agendada para segunda-feira (20), às 14h.
O prazo de recebimento de emendas perante a Comissão Mista que vai apreciar a MP se encerra nesta terça-feira (21). A oposição já anunciou que vai apresentar grande número de emendas.
A medida provisória era parte de um acordo proposto pelo governo para que a reforma fosse aprovada no Senado sem alterações – evitando, assim, que retornasse à Câmara e acelerando sua sanção. Os pontos mais polêmicos da reforma seriam ajustados pela MP.

A PALAVRA DO DIA

Evangelho (Lc 18,1-8)
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, 1Jesus contou aos discípulos uma parábola, para mostrar-lhes a necessidade de rezar sempre, e nunca desistir, dizendo: 2“Numa cidade havia um juiz que não temia a Deus, e não respeitava homem algum. 3Na mesma cidade havia uma viúva, que vinha à procura do juiz, pedindo: ‘Faze-me justiça contra o meu adversário!’ 4Durante muito tempo, o juiz se recusou. Por fim, ele pensou: ‘Eu não temo a Deus, e não respeito homem algum. 5Mas esta viúva já me está aborrecendo. Vou fazer-lhe justiça, para que ela não venha agredir-me!’” 6E o Senhor acrescentou: “Escutai o que diz este juiz injusto. 7E Deus, não fará justiça aos seus escolhidos, que dia e noite gritam por ele? Será que vai fazê-los esperar? 8Eu vos digo que Deus lhes fará justiça bem depressa. Mas o Filho do homem, quando vier, será que ainda vai encontrar fé sobre a terra?”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

JUNTOS POR FORTALEZA: GOVERNO E PREFEITURA ANUNCIAM INVESTIMENTO DE QUASE R$ 2 BILHÕES EM AÇÕES

Em apresentação conjunta da parceria, o governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio anunciaram investimentos da ordem de R$ 1,851 bilhão para o primeiro eixo de atuação do plano
Gestores estaduais e municipais se reuniram no Palácio da Abolição, na manhã de sexta-feira (17), para o lançamento do Juntos por Fortaleza. A novidade consiste no conjunto de ações integradas entre Governo do Ceará e Prefeitura de Fortaleza para a criação de oportunidades e a melhoria da qualidade de vida da população. Em apresentação conjunta da parceria, o governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio anunciaram investimentos da ordem de R$ 1,851 bilhão para o primeiro eixo de atuação do plano, que contempla mobilidade, urbanismo e meio ambiente.
A ideia é acelerar os planos em andamento e desenvolver novas obras, reformas e planejamentos na Capital. No primeiro eixo apresentado nesta sexta-feira, os benefícios para os cidadãos fortalezenses envolverão a urbanização de lagoas, comunidades e áreas preservadas, a reforma de áreas de lazer e esporte, obras de mobilidade, drenagem e abastecimento de água, dentre outras políticas, todas com recursos dos tesouros Estadual e Municipal. Em outros momentos, serão anunciados outros investimentos em estruturas para Segurança, Saúde, Educação e Cultura.
Camilo Santana destacou que o compromisso selado pelo Governo do Ceará e a Prefeitura de Fortaleza tem como principal objetivo dar mais agilidade às principais ações executadas na Capital, como também tirar do papel e transformar em realidade diversas demandas e soluções para melhorar o cotidiano de milhares de cearenses.
Em apresentação conjunta da parceria, o governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio anunciaram investimentos da ordem de R$ 1,851 bilhão para o primeiro eixo de atuação do plano
“Estamos construindo uma parceria de forma mais planejada. Muitas das ações apresentadas aqui eram sonho de muito tempo para a cidade. Quem ganha com essa parceria é a população de Fortaleza. Num momento difícil da economia brasileira, nós vamos injetar algo em torno de R$ 1 bilhão para 2018, apenas ações deste primeiro eixo. Isso significa geração de oportunidade de emprego, movimentação do setor da construção civil, mão de obra para a população e desenvolvimento da economia”, detalhou o governador.
Para o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, o Juntos por Fortaleza é “produto de um esforço fiscal da Prefeitura de Fortaleza e Governo do Ceará” para buscar uma constante de investimentos e assegurar o desenvolvimento para cidadãos e cidadãs que habitam a Capital.
“Hoje tratamos de um eixo específico que trata de ações de urbanismo, de mobilidade e de meio ambiente. Dentro disso, elencamos quais eram as obras prioritárias para serem realizadas. É um investimento alto, dividido em projetos que existem e novos projetos, expectativas e sonhos da cidade. Vamos, por exemplo, duplicar a Avenida Sargento Hermínio e revitalizar a Lagoa da Parangaba. Governo e Prefeitura, em aliança com os poderes legislativos, vão viabilizar uma série de melhorias para os próximos anos”, explicou.
Participaram ainda do lançamento do projeto Juntos por Fortaleza o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira, o senador José Pimentel, o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, Zezinho Albuquerque, deputados federais, deputados estaduais, secretários estaduais e municipais, vereadores de Fortaleza, além de lideranças municipais, movimentos sociais e organizações não-governamentais.

EUNÍCIO, ZEZINHO E ALGUÉM QUE VOLTOU A RESPIRAR OS ARES DO ABOLIÇÃO

O que o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), cochichava tanto, nesta manhã de sexta-feira, durante a solenidade de lançamento do programa “Juntos por Fortaleza”, no Palácio da Abolição.
O papo era com o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PDT), cogitado para vice na chapa pró-reeleição do governador Camilo Santana (PT).
Do lado deles, estava um personagem que andou sumido do Palácio da Abolição, mas que, agora, deu o ar da graça: o senador José Pimentel (PT). Ele, inclusive, já avisou que tem interesse de postular a reeleição, o que teria o endosso da executiva nacional petista naquela de que nos Estados onde o partido contar com a vaga, buscará manter a vaga.
(Blog do Eliomar de Lima / Foto – Cláudio Barata)

FPM: MUNICÍPIOS RECEBEM NA PRÓXIMA SEGUNDA (20) MAIS DE R$ 602 MILHOES

Na próxima segunda-feira, 20 de novembro, os Municípios recebem o repasse do segundo decêndio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O montante transferido será de R$ 602.119.486,82, já descontada a dedução do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa que, em valores brutos, isto é, incluindo a dedução do Fundeb, o valor é de R$ 752.649.358,53.
De acordo com um levantamento feito com base em repasses anteriores do FPM, o segundo decêndio de novembro de 2017, comparado com mesmo período de 2016, apresentou queda de 7,23% em termos nominais, ou seja, levando em conta os valores sem considerar os efeitos da inflação. Por sua vez, o montante apresenta crescimento de 3,54% em comparação ao ano anterior quando são somados os dois decêndios.
Já o valor real do repasse do segundo decêndio de novembro em relação ao mesmo decêndio de 2016 representa queda de 9,51% quando são consideradas as consequências da inflação. Entretanto, o acumulado dos dois decêndios apontou crescimento de 1% em relação ao ano anterior.

CAMILO E ROBERTO CLÁUDIO CONVERSAM COM EUNÍCIO ANTES DO EVENTO “JUNTOS POR FORTALEZA”

O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB), conversou, momentos antes do ato “Juntos por Fortaleza”, no Palácio da Abolição, com o governador Camilo Santana (PT) e com o prefeito Roberto Cláudio (PDT).
O assunto: novos projetos do interesse do Estado e da Prefeitura, que vão precisar do apoio do governo federal. Ou seja, de alguém ligado ao governo Temer para ajudar a liberar os recursos.
Será que s três tocaram também em eleições 2018? Eis a dúvida.
(Blog do Eliomar de Lima / Foto – Cláudio Barata)

FALTOU TRABALHO PARA 26,8 MILHÕES DE PESSOAS

IBGE acaba de divulgar que no terceiro trimestre faltou trabalho para 26,8 milhões de pessoas no país. No segundo trimestre, eram 26,3 milhões nessa condição.
Esse indicador específico inclui taxas de desocupação e de subocupação (por insuficiência de horas) e aquelas pessoas que não buscam emprego, mas estariam disponíveis.

CRUZ DEVE GANHAR BENEFÍCIOS NA ÁREA DA SEGURANÇA

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e área interna
O município de Cruz, governado pelo prefeito Jonas Muniz (PSDB) deve ganhar mais um equipamento de segurança para reforçar a cidade situada no litoral oeste.
No início da semana, o Presidente da Assembleia, deputado Zezinho Albuquerque (PDT) foi recebido pelo Governador Camilo Santana (PT) que ao lado de Jonas Muniz (PSDB) e do chefe de gabinete do prefeito, Waldery, estiveram entregando essa demanda e tantas outras que deverão beneficiar a cidade do litoral, que abriga o Aeroporto Regional de Jijoca de Jericoacoara.

ÓRGÃO ESPECIAL DO TJCE APROVA REMOÇÃO DE 22 JUÍZES

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) aprovou, na quinta-feira (16/11), a remoção de 22 juízes de Comarcas do Interior pelo critério de antiguidade. A sessão foi presidida pelo desembargador Francisco Gladyson Pontes, chefe do Judiciário cearense.
O juiz Jorge Cruz de Carvalho, titular da 2ª Vara de Brejo Santo, irá atuar como auxiliar da 4ª Zona Judiciária, sediada na Comarca de Russas, de Entrância Intermediária. Os demais magistrados foram removidos para comarcas de Entrância Inicial. Confira a relação:
DIOGO ALTORBELLI SILVA DE FREITAS – Juiz da Comarca de Mauriti removido para Alto Santo;
SYLVIO BATISTA DOS SANTOS NETO – Juiz da Comarca de Antonina do Norte removido para Araripe;
JULIANNE BEZERRA BARROS – Juíza da Comarca de Quixelô removida para Barreira;
JAIR TELES DA SILVA FILHO – Juiz da Comarca de Itapiúna removido para Capistrano;
LUCAS MEDEIROS DE LIMA – Juiz da Comarca de Jaguaribe removido para Caririaçu;
ANDRÉ ARRUDA VERAS – Juiz da Comarca de Quiterianópolis removido para Farias Brito;
BERNARDO RAPOSO VIDAL – Juiz da Comarca de Ararendá removido para Forquilha;
ERICK OMAR SOARES ARAÚJO – Juiz da Comarca de Chorozinho removido para Horizonte;
ANDERSON ALEXANDRE NASCIMENTO – Juiz da Comarca de Groaíras removido para Ibiapina;
CHRISTIANO SILVA SIBALDO DE ASSUNÇÃO – Juiz de Santana do Cariri removido para Itaitinga;
SÉRGIO DA NÓBREGA FARIAS – Juiz do Solonópole removido para Itarema;
CRISTIANO SOUSA DE CARVALHO – Juiz da Comarca de Novo Oriente removido para Mucambo;
ANNA CAROLINA FREITAS DE SOUZA – Juíza de Aiuaba removido para Pacoti;
BRUNA DOS SANTOS COSTA RODRIGUES – Juíza da Comarca de Graça removida para Paracuru;
DIOGO SACRAMENTO SEIXAS LOROSA – Juiz da Comarca de Ipaporanga removido para Paraipaba;
CAIO LIMA BARROSO – Juiz da Comarca de Jaguaretama removido para Pentecoste;
ALFREDO ROLIM PEREIRA – Juiz da Comarca de Palmácia removido para Pindoretama;
JULIANA SAMPAIO DE ARAÚJO – Juíza da Comarca de Acarape removida para Redenção;
PAULO JEYSON GOMES ARAÚJO – Juiz da Comarca de Varjota removido para Reriutaba;
WILSON DE ALENCAR ARAGÃO – Juiz da Comarca de Tabuleiro do Norte removido para Santana do Acaraú;
CRISTIANO SANCHES DE CARVALHO – Juiz da Comarca de Tamboril removido para Tra
iri.