segunda-feira, 23 de maio de 2022

APÓS CASSAÇÃO DE GIORDANNA MANO, APOIADORES FAZEM "MICARETA" POLÍTICA EM APOIO À PREFEITA


No mesmo dia em que o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) cassou os mandatos da prefeita de Nova Russas, Giordanna Mano (PL), e do vice, Anderson Pedrosa (PMN), manifestantes foram às ruas da cidade, localizada no Sertão de Crateús, em defesa da prefeita. As mobilizações têm repercutido até esta segunda-feira (23) pelas redes sociais.

A Corte reconheceu, na última sexta-feira (20), o cometimento de abuso de poder político tanto por Giordanna como pelo deputado federal Júnior Mano (PL) e pelo ex-prefeito da cidade, Rafael Holanda. Os dois foram declarados inelegíveis por oito anos, a contar da eleição de 2020. Eles devem recorrer da decisão.

Diante da decisão negativa para a gestão, um movimento nas redes sociais, com apoio das próprias lideranças afetadas, começou a resgatar o clima de campanha eleitoral. Com bandeiras com o rosto de Giordanna e do vice - muitas do período da campanha -, cartazes com os dizeres "Estamos com ELA" e "Respeitem a vontade popular", os manifestantes percorreram a pé e em veículos algumas ruas do município.

(Diário do Nordeste)

O QUE MOTIVOU JOVENS A TIRAREM O TÍTULO DE ELEITOR


Contrariando o pensamento de que estariam desinteressados da política, os jovens se mobilizaram e, na reta final do prazo hábil para a votação de outubro, chegaram ao recorde de novos títulos de eleitor. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mais de dois milhões de brasileiros com 16, 17 e 18 anos se habilitaram para o primeiro pleito — número 47% superior ao de 2018, por exemplo. As informações são do O Globo.

Ouvidos pelo Globo, dez representantes desta faixa etária, de todas as regiões do país, explicaram o que impulsionou a busca pelo primeiro voto: a percepção de que educação e saúde pioraram, a preocupação com a alta de preços e a sensação de que é necessário se engajar na tentativa de ver as agendas prioritárias seguirem adiante — a massificação do uso de tecnologia, por exemplo — são alguns dos motores desse movimento.

Vivendo a quase dois mil quilômetros de distância um do outro, os estudantes Cassiano Aires, de Santa Cruz do Sul (RS), e Luan Silva, morador de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, traçam diagnósticos semelhantes, a partir das experiências de vida distintas. Os dois jovens de 17 anos identificam que a pandemia agravou o quadro dentro de sala de aula. Para Luan, aluno da rede estadual, a falta de professores é uma realidade — “gostaria que os próximos estudantes não passassem por isso”, pontua —, enquanto Cassiano defende uma atuação mais firme contra a evasão escolar.

— É preciso haver maior incentivo, inclusive financeiro, principalmente para quem deixou de ir à escola. Também é necessário levar o estudo para mais perto de quem não tem acesso à internet. Houve um retrocesso muito grande nessa área, assim como na saúde — avalia.

Por ser deficiente visual, o carioca Leandro Dias, também aos 17 anos, percebe a necessidade de maior inclusão no ensino brasileiro. Sua busca, com o voto, é por mais candidatos que tratem desse tema com atenção. Estudante da rede pública, ele relata que “teve sorte”, pois encontrou em seu colégio a assistência necessária, e deseja que essa rede de apoio cresça e seja efetiva também nos casos de outros tipos de deficiência.

No mesmo tema, mas com uma opinião diversa, a mineira Rayane Batista, 17 anos, acredita que um dos principais problemas da educação é a presença das pautas políticas na escola. Para ela, é preciso que a sala de aula seja um local livre de influências e que possa contemplar novas áreas de ensino.

— É preciso proteger nossas crianças, sem influenciá-las em questões que não são necessárias para a idade delas. As escolas hoje não formam seres humanos que pensam, está muito ligada à política. Acredito que deveriam preparar os alunos para o mercado de trabalho e investir no empreendedorismo — afirma.

A recorrência do tema entre os relatos pode ser explicada, de acordo com a pesquisadora Larissa Dionisio, porque a educação diz respeito diretamente à juventude. Ela coordenou o estudo “Jovens no Poder”, do Instituto Update, que buscou entender e dar visibilidade aos jovens que já atuam na política institucional. Larissa diz que é preciso aproximar esse grupo da política, o que só pode ser feito com uma linguagem próxima àquela com a qual estão habituados.

Mobilização nas redes

Esse mecanismo foi usado nos últimos meses, durante a campanha nas redes sociais para que jovens tirassem o título de eleitor. Liderado pelo TSE, o movimento foi encampado por personalidades como a cantora Anitta, com a interação de atores de Hollywood, casos de Mark Hamill, Mark Ruffalo e Leonardo DiCaprio. A adesão ocorreu também entre quem ainda não completou 16 anos, mas alcançará a idade antes de 2 de outubro, data do primeiro turno, a exemplo da cearense Kaylane Monteiro Araújo e da paranaense Amanda Zegli.

— Um motivo para o grande número de novos títulos são as campanhas de mobilização com linguagem mais lúdica, divertida, das redes sociais. Com pautas e agendas importantes para os jovens, mas que não são faladas, normalmente, na linguagem dos jovens. A política é muito densa, cheia de termos jurídicos. Se a gente não tratar a política redesenhando isso, a gente vai afastar a juventude — analisa Larissa.

Um dos pontos abordados na campanha do TSE foi a necessidade de “fortalecimento da democracia”, fator lembrado pela estudante Mariani Venâncio, de 17 anos, moradora de Tambaú (SP).

— A democracia é essencial, eu acredito no direito de escolher. Sou contra a ditadura, por ter sido um período sem direito de expressão e de muita tortura. Tenho estudado sobre isso na escola.

Moradora de Manaus, a indígena Sandy Yusuro, de 17 anos, acrescenta à discussão um ponto conectado diretamente com seu ambiente de convivência. Ela critica a permissividade do atual governo com o garimpo ilegal, questão que atinge o território onde vive povo Sateré-Mawé, do qual faz parte. Além dos impactos de saúde e ambientais, a deterioração do cenário econômico também é uma preocupação.

— Comecei a ver que tinha algo errado quando percebi que, com o dinheiro que ganhava vendendo meu artesanato, não conseguia comprar mais quase nada — afirma, sobre os preços dos alimentos.

Já Eduardo Ely, também aos 17 anos, encara o cenário econômico de outra forma. Ele acredita que a escalada dos preços é fruto da pandemia, mas não perdoa a falta de modernização do país.

— Tem que investir em tecnologia. Hoje em dia, no mercado de trabalho, a tecnologia está muito forte. Quem aprende com métodos arcaicos sofre consequências em relação àqueles que já estão no mercado, principalmente em cidades no interior, que são menos desenvolvidas — avalia.

Há também quem, a partir deste primeiro passo, trace o início de uma caminhada que pode desaguar na participação política por meio de um mandato. Natural de Baía Formosa (RN), Jhone da Silva, 16 anos, é filiado ao PV e almeja, um dia, ser eleito deputado federal:

— Quando eu voto, estou definindo o meu futuro e não entregando nas mãos de outras pessoas. Sempre tive vontade de votar porque, enquanto adolescente, quero garantir os meus direitos. Pretendo que meu voto ajude a mudar o cenário que estamos vivendo no Brasil. O país está desmoronando.

DE OLHO NOS DEBATES


Até o momento, 16 debates entre os candidatos à Presidência da República foram anunciados nas eleições deste ano. Foram marcados nove encontros para o 1º turno e outros sete no 2º turno. Só o jornal Folha de S.Paulo e o portal UOL terão o debate transmitido exclusivamente pela internet. Todos os outros serão veiculados nas TVs e rádios. 

O Poder360 apurou que o presidente Jair Bolsonaro (PL) não quer ir aos debates no 1º turno. Nesse caso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) também preferiria não ir, pois seria alvo dos demais. As equipes de campanha, porém, ainda não bateram o martelo sobre a questão.

PROJETO DE LEI OBRIGA PRESIDENCIÁVEIS A IREM AOS DEBATES


Candidatos à Presidência da República e a governos estaduais devem ir, pelo menos, a três debates na televisão. Essa proposta faz parte de um Projeto de Lei protocolado pelo deputado federal David Miranda (PDT-RJ). A pauta agrada muitos eleitores, mas talvez desagrade muitos candidatos. A regra, segundo o PL, valeria para aqueles que tivessem pelo menos 3% das intenções de voto em pesquisas legalmente registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A medida, contudo, valeria somente a partir da eleição de 2026. Isso porque o prazo para modificação da Lei Eleitoral neste ano expirou no mês de abril. As informações são do Congresso em Foco.

O descumprimento, prevê o texto, acarretaria multa entre R$ 50 mil e R$ 150 mil, e o congelamento do fundo partidário. “É de extrema importância que a população tenha acesso a esse confronto de ideias e assista a debates como esse, para que a gente possa ter resguardo, e entender a proposta desses candidatos à presidência”, defendeu o parlamentar, em plenário.

SOBRAL AMPLIA SEGUNDA DOSE DE REFORÇO CONTRA COVID-19 PARA IDOSOS A PARTIR DE 60 ANOS


Já está disponível a segunda dose de reforço da vacina contra Covid-19 para idosos a partir de 60 anos no município de Sobral. Para tomar a dose, basta que a pessoa tenha a faixa etária liberada e tenha tomado a dose de reforço há, pelo menos, 120 dias. É necessário apresentar o cartão de vacinação com o comprovante das três doses anteriores e documento de identificação com foto.

Aproximadamente 20 mil idosos estão aptos para tomar a segunda dose de reforço no município. Além da segunda dose de reforço, está disponível a primeira dose de reforço para todos os adultos a partir dos 18 anos, além de adolescentes, grávidas, puérperas e pessoas com imunossupressão.

Para se vacinar, basta comparecer a um dos cinco pontos fixos de vacinação na sede do município: de segunda a sexta-feira nos Centros de Saúde da Família (CSF) dos bairros Sinhá Saboia e Padre Ibiapina (Coelce), das 7h30 às 18h30; na Escola de Saúde Pública Visconde de Saboia, das 8h às 18h30; na Casa do Cidadão, das 8h às 12h; e no Sobral Shopping, de segunda a sábado, das 14h às 20h.

ESCOLA DE MÚSICA DE SOBRAL ABRE INSCRIÇÕES PARA CURSOS DE TECLADOS, VIOLÃO, CONTRABAIXO E PERCUSSÃO


Estão abertas as inscrições para os cursos de Teclado, Violão, Contrabaixo e Percussão da Escola de Música de Sobral (EMS). As inscrições acontecem de forma presencial, até a próxima segunda-feira (23/05), na própria escola.

Para realizar a inscrição é necessário ter a partir de 12 anos e apresentar os seguintes documentos: cópia do RG e CPF, cartão de vacinação, RG e CPF do responsável (caso seja menor de idade) e comprovante de residência.

O curso de “Teclado para Iniciantes” aborda os aspectos técnicos e históricos do instrumento (postura, nomenclatura, etc), perpassando pela sua história na música, execução instrumental através da escala diatônica, formação de acordes maiores e notação musical alternativa. As aulas acontecem às segundas e quartas-feiras, às 14 horas, para a turma I ou ou às 19h45 para a turma II.

O curso de “Violão para Iniciantes” aborda técnicas de execução para mão direita e mão esquerda, cifragem básica e execução de acordes e ritmos aplicados à música popular brasileira. São oferecidas duas turmas com aulas às segundas e quartas-feiras, às 14h, ou às terças e quintas-feiras, às 19h45.

Já as aulas do curso de “Percussão para Iniciantes” acontecem às terças e quintas-feiras, às 16 horas. O curso tem como objetivo estudar e desenvolver o domínio das técnicas iniciais para percussão, com teoria musical baseada em exercícios e ritmos brasileiros.

O curso de “Contrabaixo Elétrico” aborda aspectos técnicos, teóricos e culturais do baixo elétrico com maior grau de dificuldade. O curso é voltado para alunos que já possuem experiência prévia no instrumento, dominando conhecimentos como: percepção rítmica, melódica e criatividade. As aulas acontecem às segundas e quartas-feiras, às 16 horas.

SERVIÇO:

Cursos de Teclado, Violão, Contrabaixo e Percussão

Inscrições: Até 23 de maio

Local: Escola de Música de Sobral (Av. Dom José, nº 426 – Centro)

POSSIVELMENTE SEM LULA E BOLSONARO, DEBATES COMEÇAM EM 06 DE AGOSTO

Até o momento, 16 debates entre os candidatos à Presidência da República foram anunciados em 2022. Foram marcados 9 encontros para o 1º turno e outros 7 no 2º turno. Só o jornal Folha de S.Paulo e o portal UOL terão o debate transmitido exclusivamente pela internet. Todos os outros serão veiculados nas TVs e rádios. O pontapé será dado pela CNN em 6 de agosto. As informações são do Poder 360.

A última vez que a transmissão de um debate foi realizada em meio online foi em 2010, quando a Folha de S.Paulo e o UOL receberam em estúdio os então candidatos Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV).


Os debates transmitidos exclusivamente na internet podem convidar menos candidatos, porque os canais são privados.

Os encontros em TVs e rádios, por serem realizados em concessões públicas, estão obrigados a chamar postulantes de partidos ou coligações que têm, no mínimo, 5 congressistas (deputados e senadores), conforme Art. 46 da Lei das Eleições (Lei nº 9.504 de 1997).

O Poder360 apurou que o presidente Jair Bolsonaro (PL) não quer ir aos debates no 1º turno. Nesse caso, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) também preferiria não ir, pois seria alvo dos demais. As equipes de campanha, porém, ainda não bateram o martelo sobre a questão.

Se Bolsonaro colocar em prática a estratégia de não ir aos confrontos, seguirá uma tradição entre presidentes que disputam a reeleição. Os ex-presidentes Lula (PT) e Fernando Henrique Cardoso (PSDB) não participaram dos debates de 1º turno quando tentaram se reeleger. A ex-presidente Dilma Rousseff, por outro lado, compareceu a vários, em 2014.

Pré-candidatos

Atualmente, foram anunciados 13 pré-candidatos à Presidência para eleições de 2022. De acordo com a última pesquisa PoderData, realizada de 10 a 12 de maio de 2022, Lula tem 42% das intenções de voto no 1º turno. Bolsonaro, 35%. A pesquisa considerou a lista com todos os pré-candidatos já anunciados. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

STF FORMA MAIORIA PARA NEGAR INDULTO HUMANITÁRIO A PAULO MALUF


O Supremo Tribunal Federal formou maioria para negar a concessão de indulto humanitário a Paulo Maluf, ex-governador e ex-prefeito de São Paulo. Conforme o entendimento que prevaleceu no julgamento, os laudos apresentados pelo político não justificam a concessão do indulto pedido pela defesa.

Em fevereiro, o ministro relator do caso, Luiz Edson Fachin, concedeu liberdade condicional a Maluf com o argumento de que ele cumpriu os requisitos necessários para a progressão de regime, como cumprimento de mais de um terço da pena e bom comportamento. Na ocasião, a defesa pediu também a aplicação do decreto presidencial de indulto humanitário de 2020, que prevê o perdão a condenados que tenham sido acometidos por doença grave permanente — pedido que foi negado.

A defesa recorreu da decisão. Os advogados do político alegaram que o laudo oficial não levou em consideração os exames particulares que diagnosticaram o mal de Alzheimer em Maluf.

Em decisão plenária, Luiz Edson Fachin manteve seu posicionamento. Segundo o ministro, não há motivo suficiente para a aplicação do indulto. Segundo ele, o laudo "se mostra conclusivo em afastar o enquadramento de doença grave nas enfermidades de que o apenado é portador".

SOLANGE ALMEIDA CONFIRMADA NO 23º FESTIVAL DE QUADRILHAS DE ALCÂNTARAS


O Prefeito de Alcântaras Joaquim do Quinca, anunciou a primeira grande atração do tradicional Festival de Quadrilhas da cidade, que este ano chega a sua 23ª edição. Solange Almeida se apresenta nesse que será o último festival do calendário de 2022 na região Noroeste do Estado.

STF FORMA MAIORIA CONTRA OBRIGAR LIRA A DESENGAVETAR IMPEACHMENTS

 


Apesar de ser aliado do presidente Jair Bolsonaro (PL) e de já ter se posicionado contra seu impeachment, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP), guarda em sua gaveta mais de 140 pedidos de afastamento do chefe do Executivo federal, protocolados desde 2019.

Considerando esdrúxula essa situação, políticos do PT e membros do movimento Vem Pra Rua acionaram o Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo que Lira fosse obrigado a decidir sim ou não. Mas, tudo indica, não serão atendidos.

Na úttima sexta-feira (20/5), em julgamento no plenário virtual, o Supremo formou maioria para não estabelecer uma obrigatoriedade ou um prazo de análise dos pedidos.

O julgamento on-line começou no último dia 13 de maio e a relatora da ação, ministra Cármen Lúcia, votou pela rejeição, alegando que não há, na lei, previsão alguma sobre prazo para a análise.

CEARÁ APP PASSA A OFERCER 100 SERVIÇOS DIGITAIS DO GOVERNO DO ESTADO EM UM ÚNICO LUGAR


Facilitar o acesso de cidadãs e cidadãos aos serviços do Governo do Ceará é o objetivo do Ceará App, aplicativo do Estado que agora reúne em um único lugar 100 serviços. Além de acesso a projetos de ação social e cidadania, também foram recém adicionados ao aplicativo serviços do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran/CE). O Ceará App está nas lojas Google Play e App Store.

Entre os serviços disponíveis, estão: consulta simples e completa sobre veículos, emissão e validação de certidão negativa, licenciamento e taxas e multas. Além de, consulta de pontuação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e informações sobre situação de veículo de transporte escolar e clonagem de veículo.

O Ceará App agora também conta com um espaço para informações sobre serviços de ação social e cidadania. Ele possibilita acesso ao Big Data Social, plataforma que concentra dados da Proteção Social do Ceará relacionados a mais de 1,9 milhão de famílias; e à Plataforma Mais Infância, que reúne informações de ações e indicadores do Programa Mais Infância Ceará.

Entre os demais órgãos com serviços no aplicativo, estão:

  • Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri).
  • Companhia de Água e Esgoto do Ceará (CAGECE)
  • Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE)
  • Corpo de Bombeiros
  • Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (FUNCEME)
  • Procuradoria Geral do Estado do Ceará (PGE)
  • Secretaria da Educação do Estado do Ceará (SEDUC)
  • Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará (SEFAZ)
  • Secretaria da Saúde do Ceará (SESA)
  • Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos humanos (SPS)
  • Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA)
  • Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet)

A PALAVRA DO DIA


Evangelho (Jo 15,26–16,4a)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:

15,26“Quando vier o Defensor que eu vos mandarei da parte do Pai, o Espírito da Verdade, que procede do Pai, ele dará testemunho de mim.

27E vós também dareis testemunho, porque estais comigo desde o começo. 16,1Eu vos disse estas coisas para que a vossa fé não seja abalada. 2Expulsar-vos-ão das sinagogas, e virá a hora em que aquele que vos matar julgará estar prestando culto a Deus. 3Agirão assim, porque não conheceram o Pai, nem a mim. 4aEu vos digo isto, para que vos lembreis de que eu o disse, quando chegar a hora”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

sábado, 21 de maio de 2022

A PALAVRA DO DIA


Evangelho (Jo 15,18-21)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 18“Se o mundo vos odeia, sabei que primeiro me odiou a mim. 19Se fôsseis do mundo, o mundo gostaria daquilo que lhe pertence. Mas, porque não sois do mundo, porque eu vos escolhi e apartei do mundo, o mundo por isso vos odeia.

20Lembrai-vos daquilo que eu vos disse: ‘O servo não é maior que seu senhor’. Se me perseguiram a mim, também perseguirão a vós. Se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa. 21Tudo isto eles farão contra vós por causa do meu nome, porque não conhecem aquele que me enviou”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

sexta-feira, 20 de maio de 2022

PREFEITA DE NOVA RUSSAS É CASSADA PELO TRE-CE; DEPUTADO JÚNIOR MANO FICA INELEGÍVEL

 


(Ponto Poder - DN) - O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) cassou o mandato da prefeita de Nova Russas, Giordanna Mano (PL), e do vice, Anderson Pedrosa (PMN), por abuso de poder político nas eleições municipais de 2020. O deputado federal Júnior Mano (PL), esposo de Giordanna, e o ex-prefeito da cidade, Rafael Holanda, também foram condenados e devem ficar inelegíveis por oito anos a contar da data do pleito - a prefeita também perde os direitos políticos, mas o vice não fica inelegível. 

A prefeita Giordanna Mano afirmou que considera "injusta e desproporcional a  penalização". Entre os argumentos, o de que na primeira instância da Justiça Eleitoral, o juiz havia considerado as acusações improcedentes. "E na segunda instância , os votos favoráveis a nossa absorção se apegaram ao direito e as provas, fundamentaram de forma substancial nos absorvendo e sendo razoável aos fatos", completa.

O Diário do Nordeste também entrou em contato com o deputado federal Júnior Mano (PL), mas não obteve retorno. 

Ainda cabe recursos no TRE e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Novas eleições só serão convocadas quando encerradas as possibilidades de recurso no TRE. Giordanna e Anderson Pedrosa, portanto, seguem no mandato. Os recursos na Corte estadual, contudo, não devem mais avaliar o mérito, apenas questões processuais. A prefeita de Nova Russas informou que irá recorrer da decisão.

O julgamento na Justiça Eleitoral começou no final de março e já tinha sido adiado três vezes após pedidos de vistas de integrantes do pleno do Tribunal.  Em votação apertada, por 4 votos a 3, o TRE condenou os Giordanna Mano, Júnior Mano e Rafael Holanda acusados por abuso de poder político. Contudo, a Corte anulou a condenação por captação ilícita de votos por unanimidade. No mesmo processo, também foi condenada Virgília Moura Ferro Pereira por conduta vedada ao agente público. Ela terá que pagar multa no valor de 5 mil UFIR. 

ENTENDA O CASO

Relator do processo, o juiz George Marmelstein citou que "a recorrência da imagem (de Giordanna Mano) nas publicidades institucionais (da Prefeitura de Nova Russas) e o protagonismo em eventos da qual não fazia parte deixa clara a intenção em dar evidência à então pré-candidata". O magistrado citou, por exemplo, a "utilização massiva" das redes sociais oficiais da Prefeitura de Nova Russas para "indubitável realce da figura" de Giordanna Mano. 

No processo, a defesa informou que as publicações nas redes sociais " não guardam pertinência temporal com o pleito eleitoral, sendo praticamente quase todas veiculadas em datas anteriores ao ano do período eleitoral" e que a presença da então pré-candidata Giordanna Mano à eventos da Prefeitura "se deu na qualidade de esposa" do deputado Júnior Mano. 

Segundo Marmelstein, a configuração de abuso de poder político não foi deduzida apenas pela presença nos eventos institucionais. 

"O que se reconhece é a maquiagem de uma representação pessoal para evidenciar a imagem dela em relação aos demais interessados em concorrer ao cargo eletivo", ressalta. Ele acrescenta ainda que a conduta acabou "desequilibrando irremediavelmente o pleito". 

PÓS-GRADUAÇÃO UNINTA: INSCRIÇÕES ABERTAS PARA A NOVA TURMA DE CLÍNICA MÉDICA E CIRÚRGICA DE PEQUENOS ANIMAIS

 


O Centro Universitário Inta (UNINTA) está com inscrições abertas para a nova turma de Pós-Graduação em Clínica Médica e Cirúrgica de Pequenos Animais. Voltada para profissionais da área veterinária, a especialização presencial terá início neste domingo, dia 21 de maio.

A nova turma é uma iniciativa que visa manter um padrão na qualidade de ensino dentro das turmas de pós-graduação. O principal diferencial é a realização dos módulos uma vez por mês, durante o final de semana, onde são divididos em um momento teórico e outro prático.

Os estudantes egressos da graduação têm condições especiais na mensalidade da Pós-Graduação. Para saber mais, o interessado deve entrar em contato pelos números (88) 9.9960-0124 ou (88) 3112.3500.

SERVIÇO

Curso: Pós-graduação em Clínica Médica e Cirúrgica de Pequenos Animais

Local: Campus Sede

Rua Antônio Rodrigues Magalhães, 359, Dom Expedito, Sobral

Data de início: 25/05/2022

Informações e Inscrições: (88) 9.9960-0124 | 3112.3500

 

PREFEITA ALINE ALBUQUERUQE BUSCA INVESTIMENTO PARA MASSAPÊ, EM ENCONTRO COM A GOVERNADORA IZOLDA CELA

 


A prefeita de Massapê, Aline Albuquerque (PP) esteve reunida no Palácio da Abolição com a governadora Izolda Cela e o deputado Zezinho Albuquerque (PP) em busca de novos projetos e investimentos para o município.

No encontro, a prefeita Aline Albuquerque (PP) encaminhou algumas demandas e investimentos, além de solicitar agilidade às conquistas importantes.

Segundo a gestora, essas obras visam trazer mais crescimento, desenvolvimento e geração de emprego e renda para o povo de Massapê. “Agradeço à governadora Izolda Cela e ao deputado Zezinho Albuquerque por todo o apoio e compromisso com o desenvolvimento de Massapê. Em breve teremos muitas novidades,” ressaltou Aline Albuquerque.

IMAGEM NO ABOLIÇÃO

 


A governadora Izolda Cela, postou, no seu Instagram, uma foto, onde os quatro pré-candidatos ao governo pelo PDT aparecem vestidos com camisas e blusa brancas, abraçados e sorrindo. Os quadros reconhecidos da imprensa mostram que a foto foi feita na Residência Oficial. 

Mas, por que a foto surpresa? O deputado Mauro Filho e os demais pré-candidatos afirmaram que foi um momento, o início de uma tarde de quinta-feira, para discutir eventos partidários e conversar sobre o que tem sido ouvido nas andanças, reuniões e encontros. “Estamos planejando os dois últimos encontros regionais”, afirmou Mauro Filho, que, de forma atenciosa explicou não poder revelar mais detalhes, até por não estar autorizado. “É o meu limite”, pontuou.

A foto é um fato político importante. Nos últimos dias, o ambiente se acirrou dentro do PDT, a partir das declarações de Ciro Gomes, que, de forma dura, disse que não iria aceitar interferência de um “grupinho corrupto do PT, porque no Ceará, também, tem uma turma de corruptos  do PT” na escolha do candidato. “Nós vamos votar no Camilo e, se quiserem, vamos para a disputa, não aceitamos conchavos”, afirmou o pré-candidato a  presidente.

Na postagem nas redes sociais, traduzindo a foto, a governadora Izolda, pré-candidata à reeleição, escreveu que “esse projeto não é de uma única pessoa, é de todas e todos aqueles que querem o bem do nosso Ceará e do nosso povo cearense”.

(Blog do Roberto Moreira)

A PALAVRA DO DIA


Evangelho (Jo 15,12-17)

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.

— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 12“Este é o meu mandamento: amai-vos uns aos outros, assim como eu vos amei. 13Ninguém tem amor maior do que aquele que dá sua vida pelos amigos.

14Vós sois meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. 15Já não vos chamo servos, pois o servo não sabe o que faz o seu Senhor. Eu chamo-vos amigos, porque vos dei a conhecer tudo o que ouvi de meu Pai. 16Não fostes vós que me escolhestes, mas fui eu que vos escolhi e vos designei para irdes e para que produzais fruto e o vosso fruto permaneça. O que, então, pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo concederá. 17Isto é o que vos ordeno: amai-vos uns aos outros”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.